Cocos nucifera L.

Aplicação Comercial: 
A área plantada e a produção brasileira de coco, entre os principais países produtores, são relativamente pequenas, embora tenham aumentado nos últimos anos, chegando a mais de 260 mil hectares em 1997, representando menos de 2% do que é produzido mundialmente. A produção é voltada principalmente para o mercado interno, e a maior concentração de área plantada ainda se encontra na região Nordeste do Brasil (Pires et al., 1999). No Brasil, a expansão da área de plantio com o coqueiro vem ocorrendo principalmente com os anões verdes, destinados, principalmente, para o consumo de água, embora esteja ocorrendo novas áreas, com plantio de híbridos intervarietais anão x gigante, que apresenta a vantagem de ser utilizado tanto na forma "in natura" (uso doméstico e água de coco) como nas agroindústrias (leite de coco, etc.) (Produção Agrícola Municipal, 1998).
Nomes Populares: 
Referências Aplicação Comercial: 
PIRES, M. de M.; SÃO JOSÉ, A.R.; RUFINO, J.L. dos S.; BRAGA, M. J. Aspectos econômicos da cultura do coco no Brasil. In: SÃO JOSÉ, A.R.; SOUZA, I.V.B.; MOURA, J.I.L.; REBOUÇAS, T.N.H.(Ed.). Coco: produção e mercado. Vitória da Conquista ¾ BA: DFZ/UESB, 1999. p. 7-19.
PRODUÇÃO AGRÍCOLA MUNICIPAL. Mato Grosso: IBGE, 1998.