Schizolobium parahyba (Vell.) S.F. Blake

Aplicação Comercial: 
Destaca-se pelo seu rápido crescimento, boas respostas às tecnologias silviculturais, associadas à qualidade e diversidade de utilização de sua matéria-prima para fabricação de chapas, móveis, navios, portas, peças para interior, forro e tabuado(RICHTER et al., 1975; MAINIERI e CHIMELO, 1989; PAULA e ALVES, 1997; CARVALHO, 2003).
Nomes Populares: 
Referências Aplicação Comercial: 
RICHTER, H. G. et al. Estudo tecnológico do guapuruvu (Schizolobium parayba Blake.). Parte II: fabricação de compensados. Floresta, Curitiba, v. 6, n. 1, p. 14-23, jun. 1975.
MAINIERI, C.; CHIMELO, J. P. Fichas de características das madeiras brasileiras. São Paulo: IPT, 1989. 418 p. MAZZEI, L. J. et al. Crescimento de plântulas de Schefflera morototoni (Aubl.) Maguire, Steyermark e Frodin em diferentes níveis de sombreamento no viveiro. Boletim do herbário Ezechias Paulo Heringer, Brasília, v. 3, p. 27-36, dez. 1998
PAULA, J. E.; ALVES, J. L. H. Madeiras nativas: anatomia, dendrologia, dendrometria, produção, uso. Brasília: Fundação Mokiti Okada, 1997. 541 p. PEARCY, R. W. et al. Photosynthesis in fluctuating light environment. In: BAKER, N.R. (Ed.) Photosynthesis and the environment. New York: Kluwer, 1996. p.321-46.
CARVALHO, P. E. R. Espécies arbóreas brasileiras. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2003, v.1. 1039 p.